Revista Gestor     Usuário: Senha:  

Semad lança projeto de educação ambiental em escolas de municípios mineiros

Fonte:Secretaria de Estado de Meio-Ambiente e Desenv. Sustentável de Minas Gerais - 11-06-2021

A Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável (Semad) lançou, nesta quinta-feira (10/06), o projeto-piloto “Educação Ambiental nas Escolas: um despertar para o consumo consciente” nos municípios de Campo Florido, Itapecerica, Nepomuceno e Paracatu. Também assinou com as quatro cidades Termos de Cooperação Técnica do Programa Ambientação. A ação faz parte das comemorações da Semana do Meio Ambiente de 2021.

O projeto-piloto de educação ambiental nas escolas foi desenvolvido pela Semad, em parceria com as secretarias de educação dos municípios e tem como principais metas capacitar educadores e proporcionar ações práticas de educação ambiental. As atividades com os alunos serão relacionadas aos temas: consumo consciente de água e energia, gestão sustentável de resíduos e cidadania.

No evento on line de lançamento do projeto, a secretária de Estado de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável, Marília Melo, destacou o empenho dos prefeitos que assinaram o Termo de Cooperação e lembrou que a Educação Ambiental precisa de ações focadas e cujos resultados possam ser medidos. “As crianças têm um papel fundamental na construção da consciência familiar e para o futuro. Elas serão peças-chave para o trabalho que terá os resultados avaliados posteriormente ”, observou.

Marília Melo lembrou, ainda, que a escassez hídrica é uma realidade, mas também pode ser combatida com o consumo consciente. Sobre a geração de resíduos, ela afirmou que a primeira diretriz da Política Nacional de Resíduos Sólidos é a não geração, com consequente redução, reciclagem e reaproveitamento. Sobre o projeto-piloto, complementou: “Esse é um projeto que não tem início, meio e fim, devendo ser uma iniciativa constante. Começamos com quatro municípios e esperamos que sejam exemplo para atingir todo o Estado”, ressaltou.

Já a superintendente da Secretaria de Estado de Educação, Esther Barbosa, lembrou que a Educação Ambiental é um tema transversal, perpassando todas as áreas de conhecimento. “Esse é um tema muito caro, muito relevante, para todos nós. E o trabalho, como tem de ser, deve ser desenvolvido na base”, observou.

Municípios

O prefeito de Campo Florido, Renato Soares de Freitas, comemorou a parceria com a Semad e lembrou outras conquistas do município na Semana do Ambiente. “Expandimos a coleta seletiva e implantamos um viveiro de mudas”, destacou. Sobre o projeto, ele observou que existe um elo muito forte entre a educação e a tão sonhada sustentabilidade.

Já o prefeito de Itapecerica, Wirley Rodrigues Reis, explicou que o projeto será desenvolvido com alunos do 4º ano do ensino fundamental na Escola Municipal Severo Ribeiro. Ele destacou o empenho da Prefeitura em ser escolhida para participar do projeto. “Espero que possa gerar bons frutos”, afirmou.

Luiza Maria Lima de Menezes, prefeita da cidade de Nepomuceno, destacou a atuação da Semad que, segundo ela, tem sido excelente parceira. Para ela, a Educação Ambiental deve ser uma disciplina como Matemática e Geografia, cuidando das florestas, das nascentes e também sendo uma ponte para uma mudança de atitude nas pessoas.

 

O vice-prefeito de Paracatu chamou a atenção para o fato de que todos já devem ter conhecimento de que o Meio Ambiente tem recursos finitos. “O aquecimento global é perceptível e a crise hídrica já está chegando à região (de Paracatu)”, destacou.

Objetivos

O subsecretário de Gestão Ambiental e Saneamento da Semad, Rodrigo Franco, explicou que o objetivo do Projeto é oferecer capacitação aos educadores e alunos por meio de cursos e metodologias em Educação Ambiental à distância. Inicialmente, o público-alvo serão alunos da 4ª a 6ª série do ensino fundamental. Ao todo, 200 alunos e 50 educadores serão beneficiados no projeto piloto, que será desenvolvido de junho a novembro de 2021.

Entre as ações, foi elaborado um caderno de atividades com ênfase em ações on line. Um dos objetivos é que os professores façam o acompanhamento dos gastos com energia e água das famílias para medir os resultados do projeto. A meta é ensinar os alunos a interpretar as contas e despertar o senso crítico para que as crianças saibam o que interfere nos valores. Ao final, será realizado um evento de avaliação do projeto, coordenado pela equipe da Diretoria de Educação Ambiental e Relações Institucionais da Semad.

Durante o evento, os quatro municípios também assinaram um Termo de Cooperação Técnica com o Programa Ambientação. O trabalho é desenvolvido em prédios públicos e busca influenciar os hábitos dos funcionários, gerando mais consciência ambiental.

O lançamento do projeto “Educação Ambiental nas Escolas: um despertar para o consumo consciente” faz parte das comemorações da Semana do Meio Ambiente de 2021, promovida pela Fundação Estadual de Meio Ambiente (Feam). A programação, que começou no dia 5 e termina no dia 11 de junho, pode ser acessada clicando aqui.

 

Emerson Gomes

Ascom/Sisema

 

 

Boletim de Direito Público!
Revista Gestor - edição n 32!
Fonseca & Bessa Advocacia - Consultoria jurídica especializada em Gestão de Direitos Público.
Grifon Brasil